quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Doce Desejo


Os dias passam e fico cada vez mais confusa, não sei se amo "jabuticabas ou cajus".
"Jabuticabas" é uma fantasia doce, tímida, mas que desperta em mim um sentimento louco, arrebatador. "Caju" é extremamente avassalador, veio de repente e me amoleceu, transbordei de paixão instantaneamente. Este sou obrigada a esquecer, pois o futuro não existe.
Escrever em prosa dificulta minha inspiração, poemas traduzem meus pensamentos claramente:

Amo, vejo e sofro
Corro, mordo e transbordo
Tudo vem num suspiro
Num jato de desejo.

Grito e deliro
Não é tormento
É o gozo da poesia
Que redige os versos.

Vocabulários diversos
Libido aguçada
O amor profissional
Chamando-me pra vivê-lo.

Tesão incontrolável
Poemas de amor surgindo.
A poeta está crescendo.

2 comentários:

CresceNet disse...

Gostei muito desse post e seu blog é muito interessante, vou passar por aqui sempre =) Depois dá uma passada lá no meu site, que é sobre o CresceNet, espero que goste. O endereço dele é http://www.provedorcrescenet.com . Um abraço.

Larissa Tezolin disse...

Lindáaaa...
Queridaa que saudades suas...vc faz falta sabia?
como estao suas fériass?
Meuuu adoreiii seu blogg, esse poema entao...ta showww...*-*
Ta meu trsitee...mais é o AMOR ahsuaishausia...news?
O meu blog tbm tem "coisinhas" novas passa lá...♥
bjOOO saudadesss